segunda-feira, 2 de maio de 2011

Pseudo incoerência

se palavras nunca fossem omitidas, as subentendidas não levariam a fama de não-confiáveis. as vezes, tentar esquecer e tentar não lembrar surtem efeitos contrários aos desejados inicialmente. duas pessoas e uma conversa. como se entenderem? cada um tem o seu jeito, cada um tem a sua convicção; fora o comodismo, o orgulho, a raiva, a impaciência contribuindo para o desentedimento. as coisas acontecem por terem que acontecer, por ser melhor elas terem acontecido, e o contrário também é válido, não se esqueça: coisas não acontecem por simplesmente ter sido melhor elas não terem acontecidos. saiba a hora de conformar-se, mas saiba diferenciar conformismo e comodismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário